Reformas e reparos no apartamento: você conhece as regras?

Quando você zela pelo aconchego e segurança da sua casa e busca mais comodidade, isso consequentemente resulta em reformas ou reparos a fim de deixar o ambiente mais lindo e confortável, não é mesmo?

Mas, quem mora em apartamento precisa saber algumas regras antes de começar a obra sem ter dor de cabeça lá na frente.

Como sabemos, reformas e mudanças geralmente fazem um certo barulho, poeira e até mais pessoas circulando pela área de serviço do condomínio. Em decorrência disso, os cuidados precisam ser dobrados a fim de não infringir as regras do condomínio ou, até mesmo, incomodar os vizinhos.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para você poder realizar uma reforma ou reparo com tranquilidade. Confira!

Reformas e reparos no apartamento: você conhece as regras?

Imagem: Getty Images/Canva

Fale com o síndico antes de iniciar a reforma

Avisar o síndico com antecedência é essencial. Por isso, tenha todas as informações necessárias sobre a reforma e apresente-as ao responsável do seu condomínio o mais breve possível.

Além dessas informações, também é importante ter um descritivo do que será realizado, como projeto de reforma (no caso de alterações internas) e ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) ou RRT (Registro de Responsabilidade Técnica) quando o profissional da obra for engenheiro ou arquiteto.

Dentre as obras que necessitam dos documentos ART e RRT, estão:

  • envidraçamento de sacadas;
  • instalação de ar-condicionado;
  • alterações na estrutura do apartamento.

Por outro lado, existem algumas obras que não precisam dos documentos ART e RRT, como:

  • pintura;
  • pequenos reparos elétricos;
  • colocação das redes de proteção.

É importante se atentar nessas obras, no caso da necessidade dos documentos ou não, a fim de evitar multas na hora da reforma, conforme a legislação e regulamentação do seu condomínio.

Conheça as regras e tenha as autorizações necessárias

Além das documentações necessárias antes de iniciar a reforma, existem outras regras a serem seguidas por você, são elas:

  • saiba os horários para a reforma: geralmente as obras são feitas em horário comercial, porém, cada condomínio tem seu regulamento e pode variar conforme o prédio;
  • evite barulhos excessivos: é preciso respeitar as regras e regime interno do condomínio, principalmente a dos níveis de ruídos previstos por lei no artigo 1.336 do Código Civil, preservando o sossego e a segurança de todos;
  • análise dos impactos a serem gerados pela obra: é bem previsível que na sua obra terá descarte de resíduos. Pensando nisso, é importante estar cadastrado na prefeitura, para eles poderem realizar o recolhimento dos lixos da maneira correta, evitando multas pelo descarte incorreto.

Faça um bom planejamento

Antes de qualquer coisa, fazer um bom planejamento é fundamental, tendo em mente orçamentos e estabelecendo prioridades a seguir. E o principal, ter uma margem capaz de suprir imprevistos ou cobrir danos por falha na execução.

Com o cronograma de cada etapa planejado, evitará desperdícios de materiais e atrasos na reforma ou reparo.

Agora que você já sabe mais sobre reformas e reparos em apartamentos, use todas as nossas dicas em sua obra e verá como é muito mais fácil ter tudo sob controle, evitando qualquer tipo de problema.

Para saber mais dicas e informações entre em contato conosco ou continue nos acompanhando no blog!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *