Segurança do condomínio: portaria e os controladores de acesso

Um dos lugares mais importantes do condomínio é a portaria de entrada. É por ela que transitam moradores, visitantes e prestadores de serviços, e o grande responsável pela entrada e saída de todos garantindo a segurança do condomínio são os controladores de acesso.

É o controlador de acesso quem autoriza, ou não, a entrada de visitas, prestadores de serviços ou dos funcionários das unidades. Os controladores de acesso passam a ser os olhos do condomínio, por isso toda atenção é pouco para essa função. Conhecer suas atividades, conhecer a conduta e regulamento do condomínio e agir sempre de forma padronizada sem flexibilizar nada a ninguém é garantia de sucesso na função e segurança para o condomínio.

Os controladores de acesso passam a ser os olhos do condomínio, por isso toda atenção é pouco para essa função.

Ele também deve ser o cartão de visitas do local, estar sempre com o uniforme bem passado, com a barba e o cabelo cortado, passando uma ideia de higiene, não manter conversas com demais funcionários na portaria ou em áreas comuns por tempo demasiado, mantendo um clima cordial, respeitoso e profissional na portaria. Não deve temer barrar possíveis visitantes, afinal, liberar ou não pessoas depende apenas dos moradores – a portaria executa as ordens que lhe foram dadas.

O profissional deve manter um relacionamento cordial e simpático com os moradores, evitando a todo custo deixar a portaria desassistida. Deve alertar o zelador e o síndico sobre irregularidades ocorridas durante o seu horário de trabalho. Para isso é importante que, além dos treinamentos que os controladores normalmente recebem, o síndico também deve sempre promover uma reciclagem aos seus funcionários. Também vale ressaltar junto aos moradores sobre o que se pode ou não pedir ao colaborador. Em alguns casos, o abuso de “pequenos favores” feitos pelo profissional pode configurar acúmulo de função.

Seguir com os procedimentos de controle de acesso e regulamento interno, garante tranquilidade e maior segurança ao condômino. Ao chegar um visitante ou prestador de serviço mesmo que seja conhecido no condomínio, o mesmo deve ser anunciado e só liberado após a autorização do condômino. Nunca se ausentar do seu posto de trabalho e lembre-se: a primeira impressão sempre é a que fica.